Seminário de Compartilhamento de Projetos de Intervenção FEPAPS/SC

 

IM -  SEMINÁRIO PI FEPAPSSC.png

 

O Seminário de Compartilhamento de Projetos de Intervenção dos cursos FEPAPS/SC (Programa de Fomento à Especialização Profissional para Atenção Primaria à Saúde de Santa Catarina) aconteceu nos dias 12, 13 e 14 de janeiro de 2023.

As intervenções são planejadas em oficinas de Planejamento Estratégico Situacional, por meio de iniciativas educacionais com foco na transformação da realidade. O compartilhamento desses projetos foi fundamentado nas metodologias ativas de ensino-aprendizagem e na avaliação formativa.

O Projeto de Intervenção (PI) é reconhecido como uma modalidade de produção científica social, pois se caracteriza como uma ferramenta de transformação de realidades e busca um profundo conhecimento dos contextos em que pretende atuar. Tem como base os pressupostos do Planejamento Estratégico Situacional (PES), buscando aproximar as políticas da realidade, com a participação ativa dos atores sociais.

Na ocasião, médicos, nutricionistas, enfermeiros, psicólogos e educadores físicos – discentes das residências e pós-graduandos do I e do II ano tiveram a oportunidade de ampla troca de experiência com mútua contribuição crítico-reflexiva, promovendo a qualificação de suas práticas como profissionais atuantes na Atenção Primária à Saúde (APS) de todo o Estado.

Atualmente são 73 discentes do primeiro ano, dos 5 cursos que compõe o FEPAPS, que formam 23 grupos que apresentaram propostas de projetos e 43 discentes do 2º ano que formaram 16 grupos e apresentaram o resultado das intervenções realizadas. Os municípios envolvidos são: Bocaina do Sul, Videira, Xanxerê, Benedito Novo, Gaspar, Curitibanos, Indaial, Rodeio, Rio do Sul, Balneário Camboriú, Itajaí, Porto Belo – Grupo 1. Brusque, São João Batista, Tijucas, Jaraguá do Sul, São José, Palhoça, Santo Amaro, Criciúma e Garopaba.

Os Projetos de Aplicação e de Intervenção desenvolvidos pelos discentes do FEPAPS/SC têm como objetivo alterar os cenários de prática vivenciados, melhorando a atenção à saúde na população assistida. No evento houve o compartilhamento dos projetos de conclusão dos cursos de residência em Medicina de Família e Comunidade, Residência Multiprofissional em Saúde da Família e Comunidade, Pós-graduação Preceptoria em Medicina de Família e Comunidade, Educação Permanente para Atenção Primária à Saúde e Preceptoria Multiprofissional para Atenção Primária.

Parabéns aos discentes pelo desenvolvimento dos projetos.

Mais informações:

Núcleo de Pós-Graduação da ESPSC

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.